Vitória, 15 Brasil. - Algumas oportunidades não voltam só porque você se arrependeu. bitches.

Entrar em uma fase de superação da sua vida aos 13 anos não é nada fácil. Ainda mais porque, apenas viveu 13 anos. Não sabe nada da vida, alem do que diz os livros e as conversas dos adultos que obviamente escuta escondido, não sabe mais nada há não ser o que tem que saber. Entrar na adolescência é super complicado porem obrigatório. Dizer não as drogas, superar um tombo no parquinho, superar que não vai mais querer por um vestido na Barbie, levar ela ao shopping imaginário com a sua amiga e trocar de roupa fofocar sobre garotos e blablabla. Jogar elas fora, por que? Foram parte da sua infância e também, da sua ilusão pré-adolescente. Porem é assim. Depois dessa fase você tem que dizer não as drogas. É lei. É como não aceitar doces de estranhos. Não se encontrar com ninguém que conhece na internet. Não engordar. Não ser emo. Ser apresentável. Não ser mal educado, mesma que sua mãe não lhe de uns bons tapas você choraria pois a ama. Não se negar a lavar o chão e as roupas, a fazer o arroz, não se negar a cuidar do seu irmão mais novo, não sei negar a fazer nada. Pois seria rebelde. Crescer. 18 anos. Ter que achar emprego, aprender a administrar seu dinheiro, fazer faculdade e continuar visitando seus pais depois que alugar um apartamento no meio da cidade, que seja barato, porem confortável. Perto dos bares e do mercado. Achar um namorado que não tenha cara de estuprador, que seja respeitoso, que nunca tenha usado drogas, e que, de maneira nenhuma seja desempregado com 20 anos e que não queria apenas uma transa, mesmo que você queira apenas isso. Voltar a visitar seus pais e levar pelo menos um bolo e boas noticias. Se demitir do primeiro emprego, sua mãe ficar sabendo e ficar de ressaca no dia seguinte porque teve de ouvir sua mãe no telefone falando o quando você a decepcionou e é irresponsável com um copo de uísque na mão mesmo que ela não veja e ser obrigada a ouvir tudo isso imaginando porque diabos tentou ser perfeita todo esse tempo se, no primeiro erro ela simplesmente vai jogar na sua cara tudo que você achou que não a incomodava. Ficar na rua ate tarde fofocando quando tinha 16 anos, será que ela se incomodava? E de repende ao seus 30 anos, tem um grande remorso por simplesmente tentar ser perfeita.


Estou em uma fase decisória da minha vida. Vou parar de chorar pelos cantos, resolvi que vou começar a sorrir de verdade entende? Não quero mais ficar choramingando por ai, nem ficar fazendo drama por probleminhas de merda em relação há ter um abismo enorme entre eu e meu irmão. Parar de ficar se lamentando porque minha amiga é como um trem fora dos eixos ou porque outra amiga esqueceu de me por em um publicação no facebook. Estava pensando nisso nesses dias e vi o quanto é idiota. É tão perda de tempo, tão banal, tão inútil. Sempre, todos nós temos uma recaída que choramos de soltar os cílios, mas é normal, e alias é bom para lavar a alma. Agora todos os dias por coisas tão ridículas. É tão esquentar a cabeça por pouca coisa. Como criar expectativa só porque um garoto olhou pra você e querer morrer quando ver ele olhando pra outra garota do mesmo modo que olhou pra você. Ah pelo amor né? Não quero mais me apegar desse jeito há pessoas que eu nem ao menos sei qual é o nome, ou então qual é a cor dos seus olhos. Quero me apegar a pessoas que sei mais do que posso, entende? E sabendo disso sem precisar fuçar seu facebook, mas sabendo por modo de observações, de conversas. Tanto que peguei uma carde neta muito antiga e tão pequena que cabe no bolso de trás da calca jeans. Bem ela vem com uma caneta que é embalada em papelão, e é linda. Com detalhes laranjas…enfim. E sabe o que eu decidi fazer com essa caneta e essas folhas que vieram junto? Escrever um simples objetivo para o dia todo. Tipo, semana passada ( estou realmente tentando passar por cima do meu lado melo dramático há muito tempo) eu peguei uma folha e anotei: ‘’ Hoje eu acordei pra ser feliz.’’ Ótimo! Sai com isso na cabeça e ate as minhas amigas notaram que eu estava mais bem humorada e acredite, até fui simpática com uma mala de professora de português que acredito que estará na TPM. E não é que adiantou? Depois que cheguei da escola tomei um banho que lavou até há alma e para isso não precisei derramar uma se quer lagrima! Ótimo!Ótimo!Ótimo! Estou super feliz com isso. No outro dia anotei outra coisa relativa há felicidade. E todos os dias eram assim, eu acordava pensava sobre o meu humor, e se deveria ficar assim ou melhor. Acontece que quinta feira comecei a reparar que meu irmão tem vergonha de mim. E anotei isso, mas sabe o que escrevi no final? ‘’Foda-se’’ E foi isso, e novamente no banho não chorei. Até meu irmão ficou me olhando meio torto porque estava cantando, suponho eu que ele deve ter pensando que devo estar de paquera com alguém. Tolice. Tenho 13 anos, acha que tenho idade pra ficar me agarrando com alguém, que, com certeza na minha idade só quer dar uns pegas? Talvez quando eu crescer mais. E é isso Desire, e espero eu que você esteja contente com o meu tratamento, (risos). Há, e não pense que estou te trocando pela caneta de papelão com detalhes laranja e a carde neta porque, na verdade não daria para vir aqui todos os dias postar uma frase, né? Todos os dias de manha cedo não! Mas, sempre que lhe escrevo de conto tudo, não? Então sempre vou lhe contar…um beijo Desire.. se cuide viu? E se alguém quiser te ler, não tem grilo pois talvez essa pessoa seja tão infeliz,( mesmo tendo tudo para ser feliz quanto eu) e precisaria ler uma coisa dessas para dar o incentivo de sorrir."

Vitoria Borille (w)

..custa-me compreender que alguém possa dizer ‘sou fraco’ e continuar na mesma. Se a gente conhece nossos defeitos, por que não tenta então corrigi-los?"

Anne Frank 

Apesar de tudo, ainda acredito na bondade humana."

Anne Frank

Ultimamente eu estava me sentindo meio sozinha, sabe as vezes a gente se sente assim,principalmente quando sente falta de uma pessoa em particular e parece que todas as outras são bem banais né? Ah então, pra matar o tempo eu resolvi ver meus e-mails e tomar sorvete de baunilha, ver aqueles filmes que eu nunca quis ver. Mas era só pra matar o tempo mesmo e esquecer um pouco de você. Nos meus e-mails havia mensagens de Facebook e algo a mais. Havia mensagens que eu sabia o assunto pelo titulo e já apagava antes de chorar e antes de ler seus pêsames.Vi tantos e-mails que cheguei ate os parabéns do meu aniversário. Foi a 6 meses,e lá estava seu e-mail. Eu não tinha visto, eu não tinha visto nenhum parabéns.Qualquer um sabe que as ultimas coisas que vou fazer na minha vida vai ser ler e-mails.Bem, o seu eu queria ler e dizia assim… ”ô Princesa, mais já ta ficando velha ein? E não vai passar de mim não tá?Caraca, nem reparei que esse é o seu 2º aniversário comigo, e o que eu te dei no aniversário passado? Ah..flores. Na verdade, eu não sabia o que dar pra você ano passado por que você não se importa muito com o que te dão. E eu fiquei na duvida…sei que o presentinho é meio tosco mais sei que você adora flores e que vai cuida-lás…” Não consegui ler até o fim, sem me distrair olhando pra tulipa rosa que ele me deu.Ela estava ali, bem bonitinha e crescidinha, ele pode ter achado tosco e toda aquela coisa…mais não foi.Eu tenho ela até hoje,e cuido dela todos os dias como se fosse o nosso amor.Comecei a chorar, e sabe porque? Porque sinto sua falta,poxa. Você foi a melhor coisa que me aconteceu e as únicas coisas que restaram foram a flor e os e-mails.Por que diabos isso foi acontecer justo com você?Justo com quem me salvou de toda a depressão?Por que diabos você teve que viajar justo naquela madrugada de sexta? você sabe que os adolescentes irresponsáveis bebem nas sextas e saem por ai! Mas não, você não ouviu meus conselhos como sempre e simplesmente foi, e o que aconteceu? Você voltou em um caixão e foi a coisa mais dolorosa de se ver em toda a minha vida, ver você lá, morto em um caixão, quem me encheu de amor mais que a minha mãe, estava em um caixão. Estava morto, estava sem coração, sem sentimento, sem nada. Quem eu amo não me ama mais, um bêbado desgraçado fez o favor de destruir o amor. Justo o amor? Por que diabos esse mesmo bêbado não poderia destruir a sua porcaria de vida? Mas não vai destruir justo a pessoa que me amou.Eu sei que ele estava naquela tulipa me olhando chorar e com aquele seu jeito cantaria ” não chores mas…pois aqui estou…” e me fazia rir. Mas agora era diferente, ele não estava ali cantando pra mim. Não estava sorrindo, não estava fazendo porcaria nenhuma.Ele estava morto,M-O-R-T-O. Sinto tanta falta dele que ninguém sabe.Ninguém sabe o quanto me dói não ter ele enchendo esse apartamento de risos e sorrisos. Ninguém sabe,ninguém nunca saberá."

Vitoria Borille.

O livro não é um produto descartável: usou joga fora. Nunca fiz isso nem com o namorado, imagine com um livro que é muito mais útil. Tem gente que diz que uma casa sem cortina é uma casa nua. Eu penso o mesmo de uma casa sem livros. É como se fosse habitada por pessoas sem imaginação, que não tem histórias pra contar."

Martha Medeiros

A gente se acostuma a coisas demais, para não sofrer. Em doses pequenas, tentando não perceber, vai afastando uma dor aqui, um ressentimento ali, uma revolta acolá. Se o cinema está cheio, a gente senta na primeira fila e torce um pouco o pescoço. Se a praia está contaminada, a gente molha só os pés e sua no resto do corpo. Se o trabalho está duro, a gente se consola pensando no fim de semana. E se no fim de semana não há muito o que fazer a gente vai dormir cedo e ainda fica satisfeito porque tem sempre sono atrasado. A gente se acostuma para não se ralar na aspereza, para preservar a pele. Se acostuma para evitar feridas, sangramentos, para esquivar-se de faca e baioneta, para poupar o peito. A gente se acostuma para poupar a vida. Que aos poucos se gasta, e que, gasta de tanto acostumar, se perde de si mesma."

Colasanti, M

O que é o amor?Milhões e milhões de pessoas tentam explicar para si, para textos, para crianças o que é isso. Uns dizem que é um sentimento, outros dizem que é dor e outros que nem querem saber pois apostam que não serve para nada. Eu? Eu não sei muito bem o que é, sei que é um sentimento que faz você ficar louca pela pessoa, querer ela por perto, beija-la, abraça-la,ama-la.Mas, agora quero dizer, sabe aonde eu vejo o amor? ‘’ em Deus’’ Bem, nele também. Mas vejo amor nos olhos da minha mãe, pelo meu pai.Quando ela diz como eles se conheceram naquela praia, quando eles se deram o primeiro beijo na praia. Eu vejo o amor todos os dias, o amor da minha mãe pelo pai é paixão de fogo. Eles se beijam o tempo todo, demonstram o amor todos os dias,eles brigam sempre por causa de coisas tão bestas quanto a professora de português brigar com você porque a virgula não tava aonde deveria estar.E daqui a pouco? Mais beijos e beijos. Raramente vejo eles dizendo ‘te amo’ porque quando se demonstra não precisa de palavras não. Quando ele vai viajar, ela fica do lado do telefone esperando uma ligação. Quando ele volta? Ela ta La no portão, e eles se beijam feito adolescentes em um amor proibido pelos pais. Eles são tão companheiros um com o outro sabe? Ah, o que eu acho mais fofo nessa historia toda foi quando mamãe ficou grávida do meu irmão, eles foram pra praia e minha mãe já estava com um barrigão… ele cavou na areia pra ela conseguir deitar de barriga pra baixo. E coisa mais linda mesmo é ele ir buscar ela todo santo dia na porta do trabalho. Pode ficar 2h lá, mais espera. E escutar ela reclamar das vadias? Nossa, ele faz isso como ninguém e argumentar então? Não tem como mamãe guardar nada dele, porque da vontade de falar. E quando ela ta na TPM? Nossa, ele vai ate o fim do mundo atrás do que ela quer. E quando ele ta com dor nas costas? Eles se beijam riam e ela faz massagem nele. Cara, você não ta entendendo, tem pessoa que baba veneno né? Bom.. meus pais babam amor."

O que é o amor?

Por que diabos tantas garotas querem fazer progressiva?Acordar com ele liso, sem se embaraçar no vento, dormir lisinho, acordar liso,etc. Pra que? Eu adoro meu cabelo assim, essa coisa de monstro,de outro planeta. Eu vou dormir com ele feio, e não sei se vou acordar com ele feio, as vezes ele ta ate bonitinho. Eu tomo banho e lavo ele, sei que quando secar vai me impressionar com a sua feiura novamente, e eu gosto dele assim. Claro que uma chapinha de vez em quando faz bem, mas todos os dias acordar com ele liso? Impecável? A da licença isso não é pra mim!Não gosto de saber como as coisas vão ser amanha do mesmo jeito que não gosto de seguir rotina nem de porcaria nenhuma.Por que que essas garota que ta tudo igual? Mano que GAROTO vai quere menina igual a outra? Fala serio meninos vai perde a graça ou não procura pela diferente?Porra mano! To falando serio aqui, vamo para com essa onda de progressiva e essas porra toda ai! Mano, o legal de ser mulher é ser diferente! Os garotos não, eles tem essas opções:boné,moicano e careca! A mulher que pode escolher fica querendo ta igual? Ta brincando com a minha cara ta não? Eu sei que com progressiva também da pra fazer uma trança, um cacho e essas parada, mas daí passa depois do banho ele vai ta lisinho de novo! Sei que toda garota quer estar linda e impecável, mas acredito também e me conhecendo por menina, vocês querem estar mais bonita que alguma outra pessoa. Porque você que é você, iria querer se agradar.Bom eu me agrado com o fácil, eu simplesmente prendo em um coque de bale mesmo e dane-se. Mas as garotas de progressiva não mano, não vai ter essa de coque porque vai desmanchar de segundo em segundo. Cara to falando serio, cabelo com progressiva é muito banalizado! Vamo para com isso gente, comecem a fazer diferença de verdade, não ficam com essa de ‘’ cabelo liso é melhor’’ poxa, claro que é melhor.Mas mano tu tem noção do que é acordar igual todo santo dia? Aposto que não porque se soubesse não faria progressiva."

Por que diabos tantas garotas querem fazer progressiva? 

Eu não quero viver longe de você. Digo, viver sem falar contigo, sem saber como foi o seu dia, o que você fez, como está se sentindo. Até porque, longe fisicamente de você eu já estou."

Caio Fernando Abreu